Estado ateu

De Wikimerda
Ir para: navegação, pesquisa
Hammer sickle clean2.png
Nazi.jpg
Esse artigo fala sobre opressão e dentadura ditadura!

Você DEVE aceitar o que tá escrito aqui SEM duvidar de nada. Não gostou? CALE-SE ou correrás o risco de sumir misteriosamente.

Josef Stalin e Adolf Hitler vigiam esse artigo!!!

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Estado ateu.
Exemplo de ditador ateu muito simpático

Cquote1.pngVocê quis dizer: DitaduraCquote2.png
Google sobre Estado ateu
Cquote1.png Faça o que eu mandar, mas não faça o que eu faço Cquote2.png
Governantes ateus sobre Estado ateu
Cquote1.png Li no livro de Dawkins que precisamos derrubar esse hospital e construir uma sede da ATEA no lugar! Cquote2.png
Governante ateu sobre saúde no sistema
Cquote1.png A igreja quer mandar no país e instalar uma ditadura, e para impedir isto eu devo mandar no país e instalar uma ditadura! Cquote2.png
Governante ateu exercendo a sua função a favor de um país justo
Cquote1.png Vocês podem ver claramente pelo meu governo que estados ateus são mais felizes e prósperos Cquote2.png
Josef Stalin sobre Estado ateu
Cquote1.png Nosso país mostla que o estado ateu é um ótimo exemplo de democlacia popular, né? Cquote2.png
Kim Jong-il sobre Estado ateu
Cquote1.png A gloriosa ilha de Cuba mostra que um estado ateu pode ser ótimo. Vejam como nosso povo é feliz! Os que estavam tristes eu fuzilei e os outros fugiram pra Miami Cquote2.png
Fidel Castro sobre estado ateu

Apresentação[editar]

Antirreligion.png
A forma na qual os religiosos eram tratados na União Soviética

Um estado ateu é um estado onde a pseudociência manda. Muito comum em países muito democráticos como Cuba, Venezuela, Coreia do Norte, China, União Soviética e Alemanha Nazista. Mesmo com o suposto avanço e progresso da humanidade, os estados ateus ainda existem, e são claramente subdesenvolvidos e violentos como a China e a Coreia do Norte. Esses governos costumam ser bem populares, tanto que não se vê sinal de opositores e nem mesmo críticos.

Os estados ateus são como os países do Oriente Médio, ou como o Vaticano. Apenas mudando a doutrina. Já as medidas tomadas, são as mesmas tomadas pela Igreja Católica durante a Santa Inquisição. Com a diferença de que a Igreja Católica quase nem sabia matar direito. A coisa era muito fraca. Os estados ateus são muito mais eficientes. Tal forma de governo foi criada para justificar a incompetência dos países comunistas colocando a culpa de seu fracasso na Igreja Católica. Mas apesar de tudo isso, os estados ateus não são desiguais, visto que os ateus também levam bolacha na cara.

Estados ateus[editar]

União Soviética[editar]

A abolição da religião foi a principal causa da ditadura, quando, pouco depois de tomar posse, Vladimir Lenin capturou todas as pessoas religiosas e as manteve congeladas criogenicamente pelos próximos 51 anos, quando mais tarde, a tecnologia ianque, vendida para a China, que vendeu para a Coreia do Norte, que vendeu pra Cuba, que vendeu pra URSS, chegou para transportar essas pessoas para uma galáxia distante. Anos antes, Lênin havia criado o ateísmo cientológico, que, como toda forma de ateísmo, atrasava a mente do ser humano, que nesta corrente, o fazia acreditar que os humanos viravam alienígenas quando morriam.

Por este motivo, Lênin decidiu cultivar essas pessoas planeta distante, e muito raramente passagens da Bíblia são captadas através de transmissão do espaço sideral. Seguindo a linha de Marx, o deturpado, a religião é o ópio do povo. E todas as religiões tradicionais são proibidas e seus bens são confiscados pelo estado. As únicas religiões permitidas são as determinadas pelo estado, que mudam a cada ditador da URSS. Tais igrejas estiveram sempre abertas e quem não praticasse os mandamentos seria queimado na fogueira democrática da liberdade.

Novamente, depois de tomar a posse, Lenin criou um novo feriado nacional: o Halloween Vermelho, que acontecia da seguinte forma: Exatamente as 18:00, as crianças soviéticas saíam fantasiadas de padres, capitalistas, conservadores e judeus, e saem por aí batendo nas portas de sedes religiosas pedindo doce. Enquanto isso, Lênin e os camaradas roubam todo o doce, e quando o religioso vai pegar o doce, ele não acha, então ele diz para a criancinha que não tem doce. A criancinha fica com raiva e taca fogo na tal instituição religiosa, além de matar o religioso com um tiro na cabeça. Apenas os muçulmanos se livravam dessa, pois, ao invés disto, as mesquitas eram atingidas por aviões e bombas (os EUA curtiram isto, talvez por isto Lenin seja considerado o menos pior dos comunistas para os americanos[1]).

Essa era a brincadeira preferida de Lênin, mas como só acontecia uma vez por ano, Lenin ficou com raiva e decidiu comer as criancinhas.Na Era Stalin, as igrejas/templos/mesquitas/etc. não eram destruídas, elas viravam propriedade privada do estado, que os comunistas costumavam usavam para estuprar mulheres e meninas cristãs e judias. Essa era a punição para a mulher/menina cristã/judia que não abandonasse a sua crença.

Os meninos de qualquer religião que fosse eram queimados vivos e assados, os homens de qualquer religião eram capados[2] e largados a própria sorte com o buraco vazio onde ficava o pinto jorrando sangue. As mulheres e meninas das demais religiões tinham suas vaginas serradas, comidas e posteriormente empaladas. Nas demais eras, acontecia com toda a população religiosa o mesmo que acontecia com as mulheres/meninas cristãs e judaísmo na Era Stalin.

Cuba[editar]

O Jesus Cristo cubano

Religión? En mi gloriosa isla? Sim, ela existe. A religião oficial é o Castrismo. Mas o castrismo nada mais é do que uma corrente do comunismo que por sua vez é uma corrente do ateísmo. Caso não siga essas correntes, você tem três opções: Ir para el paredón!, fugir para Miami ou entrar para a quadrilha. Nessa última, o Partido Comunista Cubano te aceitará muito bem mesmo sendo religioso, entretanto, as suas missões serão justamente aquelas que tem como objetivo o fim da autoridade de chessus sobre as peçoa.

Você terá que chutar santas na Igreja Católica, roubar o dízimo na Igreja Universal do Reino de Deus, desenhar uma suástica na parede de uma Sinagoga (muito espertos estes gois fascistas) e coisas do tipo. Segundo a religião cristã, Deus e Jesus Cristo são barbudos. E em cuba só pode haver um barbudo: Fidel. Segundo a religião budista, Buda era gordo. E no comunismo ninguém pode ser gordo. O Islã não é admitido porque os assassinos do governo não admitem concorrência.

Aqui está uma equação cinética quântica localizada metaestruturada da religião em Cuba em vários períodos. C simboliza cristianismo, J simboliza judaísmo e A simboliza ateísmo.

  • Antes do Comunismo - C7-J2-A1
  • Anos 60 - C5-J1-A4
  • Anos 70 - C4-J0,5-A5,5
  • Anos 80 - C3-J0-A7[1]
  • Anos 90 - C2-J0-A8
  • Anos 2000 - C1-J0-A9
  • Anos 2010 - C0-J0-A10
↑ Perceba que neste período, o judaísmo some completamente. O governo cubano permitiu que eles se mudassem para Israel, EUA e Europa em troca de dar 90% de seus lucros capitalistas para o Partido Comunista. Eles recuperaram tudo em menos de dois dias.
  • Quando C passou de 7 pra 5, os protestantes pegaram aviões direto para os Estados Unidos financiados por Edir Macedo. Os católicos foram fuzilados.

China[editar]

O Deus dos chineses

Na China, a religião é livre, mas a maioria segue o ateísmo porquê o estado mandou por questões culturais. Há também uma pequena população de chineses religiosos, nas prisões e nos campos de refugiados. Religiosos sempre aparecem nas estátisticas, mas ninguém nunca viu, como o Acre lá no Brasil. Os chineses são muito ateus, cortam até um pedaço do pênis como prova de devoção á ciência. Já as meninas, tomam doses cavalares de hormônio feminino para reproduzirem o máximo que puder, afinal, quanto mais seguidores, mais soldados, quanto mais soldados mais terras, quanto mais terras, mais seguidores, e quanto mais seguidores...

Na China, não se trabalha ao sábados e isto tem uma explicação muito ateo-científica e que todos seguem a risca, pois talvez seja o hábito mais respeitado por eles: comer baratas, é claro. Na quantidade em que é consumida, eles precisam de um dia inteiro! E esse dia é o sábado. Algo interessante para quem já foi na China é que durante o sábado os elevadores ficam no modo "atheist", isso quer dizer que se você chegar no hotel com caganeira e estar hospedado no último andar, você vai cagar nas calças, sim, porque o elevador para em todos os andares, não importa quantas vezes você aperte no botão do quadragésimo andar.

Além disso o ateísmo, como todas as religiões, tem leis. Só que no ateísmo você junta o islã, o cristianismo, o judaísmo e mais uma duzia de seitas, mutiplica por 500, e pronto, você terá a quantidade exata de regras, leis e príncipios a serem respeitados: algo entorno de 12.000.000.000.000 normas dizendo o que fazer e o que não fazer. Óbviamente, os chineses estão muito oculpados comendo baratas, portanto eles fazem de conta que são ateus ortodoxos, pecam o ano inteiro, e pedem perdão no Dia do Perdão.

Mas não adianta nada, eles acabam indo pro paredão (o que é bem parecido com o que é o paredão do Big Brother. Você vai e é eliminado). Na China, eles comem cachorro, mas os macacos são sagrados porque eles acreditam que dali a milhôes de anos esse macaco venha a se transformar em ser humano. Um dos pilares do ateísmo é protestar contra a "incoerência" religiosa. Ou seja, se deve protestar pelos direitos das baratas porque os religiosos estão sendo incoerentes ao lutar pelos direitos dos outros animais. Ao invés disso, os chineses os comem. Quanta coerência!

Coreia do Norte[editar]

Cquote1.png Vilam? Nós somos muito mais plestativos e humanistas que os leligiosos inquisitoles letlóglados! Olha quanta comida a gente vai distlibuir pala o glolioso povo coleano! Gualdas, mandem esse banquete pala a minha suíte Cquote2.png
Ateismo.jpg

A religião oficial da Ditadura Totalitária Impopular da Coreia do Norte é o Juche. Uma espécie de ateísmo taoísta baseado numa espécie de teologia da libertação. Mudando apenas o Deus central, ao invés de Jesus Cristo é o ditador gordo da Coreia do Norte.

É uma crença já estabelecida noa ideologia juche que qualquer religião organizada que não seja a deles é completamente inútil e contraditória. Isso é para obedecer os ensinamentos do messias satânico Vladimir Lenin, Acuse-os do que você faz, chame-os do que você é. Por isso, os norte-coreanos acreditam que viver com os pais até os 40 anos, jogar vídeogames e insultar a religião de outras pessoas na internet totalmente censurada em todos os fóruns de discussão o dia inteiro é um padrão de vida excelente e muito bem quisto.

As doutrinas religiosas na Coreia do Norte são demográficamente divididas assim:

Cquote1.png Vilam? Nosso país é democlático. A leligião é livle Cquote2.png
Kim Jong-un sobre estatísticas acima

Os norte-coreanos acreditam que embriões humanos de duas semanas, ainda não desenvolvidos, não passam de um monte de carne. Isso posto, também pensam que continua sendo apenas um monte de carne depois que se desenvolve. Eles acreditam também que o aborto é apropriado para pessoas pobres que não podem comprar camisinhas nem criar filhos. Essa foi a solução de Kim II Sung para fazer as famílias economizarem dinheiro.

Os cristãos teriam oferecido uma outra solução á Kim: redistribuir a renda de melhor forma e diminuir os impostos. Mas como a Coreia do Note é uma república democrática e popular, o povão foi contra. Pois o povão pensa que o dinheiro e a riqueza são coisas muito materialistas e que é impossível viver sem elas.

Alemanha Nazista[editar]

O símbolo do Ateísmo Alemão

Conforme registrado por Wagener em muitas de suas notas, a sobrinha de Hitler não foi assassinada, mas acidentalmente atirou em si mesma, enquanto brincava com a pistola[3] de Hitler, isso explica o controle de armas posteriormente copiado por Stalin e por toda a esquerda.

Ele deixou a arma com ela para que ela brincasse com a arma enquanto ele estivesse fora. Segundo fontes não-oficiais, o mesmo aconteceu próprio Wagener, Heinrich Hoffmann, Kurt Ludecke, Ernst Hanfstaengl, Otto Dietrich e Winifred Wagner. Hitler foi profundamente afetado pela morte de sua sobrinha, e muitas vezes ele não revelou o quanto ela significava para ele pessoalmente, ali ele reconheceu que as mulheres são descartáveis em geral.

Um dia, Hitler fez um longo monólogo sobre o assunto, no qual Wagener morreu de tédio. As crenças ateístas de Hitler vieram á tona de uma forma muito real, 10honesta e antissemita durante toda a sua vida. Teria que ser idiota pra não perceber que Hitler tentava usar o ateísmo como uma forma de entrar em contato com sua sobrinha morta, pois ele achava que a necrofilia era coisa de judeu(?).

Como era de se esperar, Hitler culpou os judeus e quis impôr o ateísmo como religião oficial no Terceiro Reich, o problema é que Hitler era muito cagão e tinha medo de fantasma. Então Hitler ficou sendo ateu sozinho, e, como tinha medo de macumba, apenas fazia danças loucas de macumba-lêlê, mais tarde copiada pelos russos, outra coisa que teria motivado o antissovietismo de Hitler.


A gente fala merda mas comprova o que fala!

  1. Pra eles, Gorbatchev não foi/é comunista
  2. Isso explica a simpatia que as feministas tem pelo comunismo
  3. ( ͡° ͜ʖ ͡°)

Ver também[editar]


Circle-contradict.png Este artigo parece contradizer um outro artigo: Teocracia. Não pense sequer em corrigir isto