Pau-de-arara

De Wikimerda
Ir para: navegação, pesquisa
Escravo brs.jpg

Pau-de-arara é uma tortura do nível demônio sem coração!

Então é melhor não vandalizar, senão Seu cu não será perdoado.


Cquote1.png Quero ver o tamanho desse pau! Cquote2.png
Puta sobre Pau-de-arara
Cquote1.png Eu também quero! Cquote2.png
Gay sobre Pau-de-arara
Cquote1.png Será que é um pau? Cquote2.png
Você sobre Pau-de-arara
Cquote1.png É muito gay pro meu estilo! Cquote2.png
Jack Estripador sobre Pau-de-arara
Cquote1.png Eu concordo! Cquote2.png
Jeffy the Killer sobre Pau-de-arara
Cquote1.png Tira isso daqui mãe! Cquote2.png
Criança sobre pau-de-arara

Lugar onde o Pau-de-arar é bem usado.

Pau-de-arara é uma tortura bem gay parecida com aquelas usadas na época em que o Brasil era um país mais pobre ainda, mais conhecida como descobrimento do Brasil. A tortura é baseada em segurar varas pequenas e duras, essa idéia veio dos antigos descobridores do Brasil, que tinham que criar uma nova tortura e pra isso eles copiaram a primeira coisa que viram pela frente, que era uma Dama-de-ferro. O resultado? A tortura ficou que nem merda: Quanto mais meche, pior ela fica!

Formato da 'coisa'[editar]

Imagine um pedaço de pau gigante esticado, tipo aqueles que você fica enfiando na bunda. Aí, imagina que ele está esticado sobre outros dois pedaços de pau menores que parecem pinto de japonês. Esse é o pau de Arara! Esse formato dele foi criado pensando naqueles poleiros de pássaro que tem na casa da sua avó,

Homem após passar pelo Pau-de-Arara.

inclusive, um dos engenheiros que criou o Pau-de-Arara era um Avícologista com problemas mentais. Quando foi criado, o pau de Arara foi, de certa forma, apenas um aumento de tamanho de um Poleiro, para que ele pudesse aguentar uma pessoa, mas lembre-se que eu disse pessoa, e não um gordo como aqueles lutadores de sumo!

Como funciona a tortura[editar]

Segure a vítima com todo cuidado, perguntando se ela sempre quis ser um pássaro. Seja lá qual for a resposta, fale para ela que hoje é o dia de sorte dela, e que você vai dar um jeitinho para transformar ela em um. Traga a vítima então para o Pau-de-arara, e pendure ela no pau como se fosse lavar a roupa, então amarre as pernas dela dando um nó de marinheiro e em seguida um nó de idiota, mais conhecido como nó de quem não sabe dar . Vem então a parte mais legal da tortura: Fique escutando durante uns 50 minutos a vítima gritar que nem uma bicha pedindo socorro enquanto geme!

Depois de uns 10 minutos deliciando a cena, fale para o torturado que você vai libertar ele com uma condição: Ele vai ter que admitir que é um viado total. Se ele disser que não, pegue uma shotgun e dê fim nele na hora, mas se ele disser que sim e falar a frase, fale que você mentiu e então coloque fogo no Pau-de-arara, queimando o idiota que falou a frase. Agora se delicie ainda mais vendo ele pegar fogo no cú, para seu azar, quando isso terminar, a sala vai estar entupida de cinzas. Aí você vai ter que usar um sabão MOMO e um pouco de pudim em calda para limpar tudo...

Pessoas que já sofreram[editar]

A seguir, você vai ver uma lista das pessoas que já apanharam e tiveram que aguentar o pau-de-arara na bunda, incluindo algumas pessoas que não aparecem nos livros devido a cagadas dos historiadores e afins:

  • Joana d'arc: Quando era criança, ela considerava o Pau-de-arara uma brincadeira e adorava ficar balançando no pedaço de pau, uma vez ela até chegou a enfiar o pau dentro de lugares que você não gostaria de saber! Inclusive, foi por isso que ela apanhou geral da mãe dela!
  • Capeta: Acredite ou não, o capeta, mais conhecido como fogo no rabo, já sofreu dessa tortura. Um dia, Deus estava com tanta raiva dele, que pegou o capeta e fez ele ficar no Pau-de-Arara por 10 horas. A tortura foi tão forte que o pênis dele nunca mais ficou ereto.

Ver também[editar]